Início > Karl Marx, Principais obras > Principais Obras de Karl Marx

Principais Obras de Karl Marx

As obras de Marx relatam sobre temas filosóficos, econômico, político, social e histórico.

Obras de Karl Marx:

1841 As diferenças entre a filosofia natural de Demócrito e Epicuro a filosofia natural (Tese de doutorado)
Crítica da Filosofia do Direito de Hegel.
1844 Manuscritos Econômico-Filosóficos. (Publicado em 1932)
1845 Teses sobre Feuerbach.
1847 Trabalho Assalariado e Capital.
1847 A Miséria da Filosofia
1848 fala sobre o livre comércio
1849 A burguesia e os (segundo item) contador. Publicado na Neue Rheinische Zeitung
1849 Trabalho Assalariado e Capital.
1850 Lutas de Classes na França de 1848 a 1850.
1851-1852 A Brumário de Luís Bonaparte XVIII.
1853 A regra britânico na Índia.
1853 resultados futuros do domínio britânico na Índia.
1854 A Espanha revolucionária.
1859 Contribuição à Crítica da Economia Política.
1864 Manifesto inaugural Associação Internacional dos Trabalhadores.
1865 Salário, Preço e Lucro.
1867 Capital
1871 A guerra civil na França.
1874 Anotações para o Livro de Estado e Anarquia de Bakunin.
1875 Crítica ao Programa de Gotha.

A obra mais importante de Marx é o Capital; ele aborda neste livro a sociedade: a bese é o processo de trabalho, seres humanos cooperando entre si para fazer uso das forças da natureza e, portanto, para satisfazer suas necessidades. O produto do trabalho deve, antes de tudo, responder a algumas necessidades humanas. Deve, em outras palavras, ser útil. Marx chama-o valor de uso. Seu valor se assenta primeiro e principalmente em ser útil para alguém; cultura: fala da diferença das classes sociais, e também aborda o tema politica e filosofia. O Capital é uma das suas principais obras por que toda a estrutura de seu pensamento se encaixa nesse livro e é a onde se encontra o total conhecimento da humanidade em geral, quanto para o proletariado em particular, já que através de uma análise radical da realidade que está submetido, só assim poderá se desviar da ideologia dominante (“a ideologia dominante” é sempre da “classe dominante”), como poderá obter uma base concreta para sua luta política. Cabe lembrar que O Capital é uma obra incompleta, tendo sido publicado apenas o primeiro volume com Marx vivo.

Além destas obras escritas por Marx, existem também as que ele recebe a participação de Friedrich Engels:

1845 A Ideologia Alemã (publicado em 1932)
1845 A Santa Família
1848 Manifesto do Partido Comunista.
Circular 1850 do Comitê Central da Liga dos Comunistas.
1871 das resoluções da Conferência de Delegados da Associação Internacional dos Trabalhadores.
1872 fictícios divisões no Internacional.
1879 Na carta circular A. Bebel, W. Liebknecht, W. Bracke et al.

About these ads
  1. Ainda sem comentários.
  1. No trackbacks yet.

Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

%d bloggers like this: